POLÊMICA: Suposto áudio de jogador denuncia falta de alimentos no Flu de Feira; Presidente nega
Por Igor Novaes
9:33 | 22/03/2021

Na noite deste domingo (21), circularam pelas redes sociais áudios atribuídos ao jogador camaronês Arnold Meveng, lateral-esquerdo do Fluminense de Feira, o qual o atleta denuncia falta de comida no CT Nóide Cerqueira para o jantar da equipe feirense.

De acordo com um dos supostos áudios compartilhados nos grupos de WhatsApp, o camaronês agradece aos torcedores por terem comprado pizzas para o elenco. Vídeos de torcedores entregando o jantar para os jogadores também estão sendo compartilhados.

No suposto áudio, Arnold ressalta a grandeza do clube, mas diz que a situação não tem sido fácil: “A gente agradece de todo o coração e a gente pede a vocês também aí se vocês podem ajudar, realmente aqui não tá fácil, sabe? As pessoas que estão aqui, pais de família, a gente tem um propósito. A gente sabe que o Fluminense é um time grande aqui da Bahia, é a terceira força da Bahia, mas não é fácil”.

Presidente do Fluminense de Feira, Deraldo Conceição, nega falta de alimentos no clube e afirma que responsável por áudios terá contrato reincidido. (Foto: reprodução/TV Touro).

“A vitória não veio hoje, mas a gente tá batalhando muito com a chegada do professor [Zé Carlos]. O Pastor também sempre ajudando, também, por fora aí, mas a gente sabe que com a chegada do treinador, as coisas vão fluindo bem aí, sabe?”, comentou o atleta sobre o desempenho atual do time. Apesar de citar o novo técnico da equipe, não ficou claro se o Pastor citado seria o deputado estadual e ex-presidente da equipe, Pastor Tom, ou o gestor de futebol do clube, Pastor Márcio Cerqueira, ou algum outro líder religioso com ligações com os atletas.

Em entrevista ao radialista J. Vieira, da Rádio Cidade FM, de Feira de Santana, o Presidente do clube, Deraldo Conceição, desmentiu a falta de comida no centro de treinamentos do Touro do Sertão e afirmou que o responsável terá seu contrato reincidido com o time. “Isso é uma grande mentira, uma grande farsa. Inclusive mandei os vídeos pra você, da alimentação que tinha lá. Isso aí foi um jogador que eu já identifiquei, mas não vou revelar quem é, e também não vai ficar conosco, porque a gente não pode ficar com traíra dentro do grupo”.

Na mesma entrevista, Deraldo ressaltou que não falta alimentação no CT e todos os salários estão em dia no clube. Neste domingo (21), o Flu empatou em 1 a 1 com o time de transição do Bahia, no Jóia da Princesa. O resultado fez a equipe permanecer na 8ª posição do Campeonato Baiano, com 5 pontos ganhos. O próximo adversário é o Jacuipense, em Pituaçu, no dia 4 de abril.

Receba todas as notícias no seu WhatsApp!
Cadastre-se e faça parte da lista de transmissão do Diário Esportivo!