Em 7 anos, ECPP caiu 60 posições no Ranking da CBF
Por Igor Novaes
9:57 | 18/12/2021

Desde seu ápice no Ranking Nacional de Clubes (RNC), em 2015, o Vitória da Conquista já caiu 60 posições na classificação divulgada anualmente pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

De 2015 para cá, o Vitória da Conquista caiu da 76ª para a 136ª posição. Hegemonia no interior também foi perdida. (Foto: reprodução).

Na última atualização do RNC, a equipe está em sua pior posição no Ranking desde 2013, quando a entidade máxima do futebol brasileiro adotou a atual fórmula de contagem de pontos. Antes, o ECPP fechou a última lista do modelo anterior como o 302º colocado.

De lá para cá, o clube esteve em ascensão nos primeiros anos e mesmo oscilando entre o 76º e o 89º lugar, o time se manteve como o 3º da Bahia e o melhor do interior.

Desde 2018 a equipe vem caindo de patamar, reflexo da falta de frequência do Alviverde em competições nacionais. Neste período, o ECPP passou algumas edições brigando para não ser rebaixado no Campeonato Baiano. Confira abaixo o histórico do time na versão atual do Ranking Nacional de Clubes da CBF:

2013 – 98º (4º BA)
2014 – 81º (3º BA)
2015 – 76º (3º BA)*
2016 – 82º (3º BA)
2017 – 89º (3º BA)
2018 – 122º (5º BA)
2019 – 100º (5º BA)
2020 – 122º (6º BA)
2021 – 108º (6º BA)
2022 – 136º (8º BA)**

*Apesar de ter sido a melhor posição do Vitória da Conquista, a classificação de 2015 foi divulgada meses antes da única final do Campeonato Baiano que o time participou.

**Pior classificação da equipe na história da atual versão do Ranking Nacional de Clubes da CBF.

Receba todas as notícias no seu WhatsApp!
Cadastre-se e faça parte da lista de transmissão do Diário Esportivo!