Ataque do Vitória da Conquista é o segundo pior do Baianão 2020
Por Vinícius Bronze
11:27 | 11/02/2020
Rafinha comemora gol contra o Jacuipense na estreia (Foto: Luciana Flores)

O ECPP Vitória da Conquista teve um começo de Campeonato Baiano abaixo das expectativas do torcedor, o time tem dois pontos em quatro jogos disputados e está na oitava colocação na tabela do estadual. Empatado em pontos com o Doce Mel, mas com saldo superior ao clube ipiauense.

O ataque do Alviverde é o segundo pior do Baianão 2020 com apenas três gols marcados em quatro partidas, média de menos de um gol por jogo. O Bode fica atrás apenas para o Jacobina que anotou apenas dois gols em cinco encontros. Bahia e Jacuipense possuem o melhor aproveitamento com 8 gols.

Dois dos três gols foram feitos por jogadores da linha de frente do time conquistense, Nonato e Rafinha, e o outro pelo lateral-esquerdo Otávio.

Nonato desencantou após três jogos de jejum com a camisa alviverde, em derrota para o Vitória por 2×1, no Estádio Lomanto Júnior, em Vitória da Conquista. O atacante ainda desperdiçou um pênalti, que foi defendido pelo goleiro João Pedro.

Além disso, o Bode passou dois jogos em branco, na derrota para o Bahia por 2×0 e no empate de 0x0 com o Atlético de Alagoinhas, dois encontros fora do Lomantão.

Para mudanças no ataque, o técnico Elias Borges tem preferido pelas entradas dos atacantes Tatu e Léo Russo, assim como ocorreu na última partida, contra o Vitória. Léo foi artilheiro da Série B do Campeonato Sergipano em 2019, com 8 gols, pelo Estanciano.

O Alviverde tem confronto contra o Bahia de Feira no próximo domingo (16), às 16h, no Estádio Lomanto Júnior. O clube conquistense vai em busca da sua primeira vitória no Baianão 2020. A partida terá transmissão do Futebol Show na Brasil FM 107,7.

Receba todas as notícias no seu WhatsApp!
Cadastre-se e faça parte da lista de transmissão do Diário Esportivo!